Ezra Pound e a imagem poética

ALGUMAS PROIBIÇÕES
(Trecho de texto de Ezra Pound)

“Imagem” é aquilo que apresenta certo complexo intelectual e emocional, num determinado instante. Emprego a palavra “complexo” sobretudo no sentido técnico utilizado pelos psicólogos mais modernos, como Hart, embora possa haver desacordo quanto à nossa maneira de aplicá-la.

A apresentação instantânea desse “complexo” é que dá o sentido de súbita libertação; de emancipação dos limites de espaço e tempo; de crescimento repentino que experimentamos diante das maiores obras de arte.

É preferível apresentar uma só Imagem no decurso de uma existência do que produzir obras alentadas.

Na opinião de algumas pessoas, entretanto, isto tudo pode ser objeto de discussão. O que se impõe de imediato é o estabelecimento de uma lista de proibições destinada aos que começam a escrever versos. Não me será possivel apresentar todas elas sob a forma do negativo mosaico.

Para começar, considere as três proposições (exigência de tratamento direto, economia de palavras, e seqüência da frase musical) não como dogma – nunca considere coisa alguma como dogma – mas como resultado de uma longa meditação a qual, mesmo que seja de outrem, pode merecer consideração.

Não dê atenção às críticas de indivíduos que jamais tenham escrito alguma obra digna de nota. Considere as discrepâncias entre o que os poetas e dramaturgos gregos realmente escreveram e as teorias dos gramáticos greco-romanos, elaboradas com a finalidade de explicar-lhes a métrica.


					
Anúncios
Explore posts in the same categories: Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: